EXPERIÊNCIA NIKKEI GLOBAL

Conteúdo

Descrição

Especialistas

Instituições

Informações

Simpósio
Introdução
Sessão em Foco#1
Sessão em Foco#2
Sessão em Foco#3
Sessão em Foco#4
Relatório

Equipe e Conselheiros

English Japanese
Spanish Portuguese

JANM Logo
Japanese American
National Museum


SESSÃO EM FOCO #1
“CULTURA EM CONSTRUÇÃO-COMMUNIDADE E IDENTIDADE”


Tema:
A comunidade nikkei é o foco principal do nosso projeto de pesquisas, que pretende identificar os processos de transformação que ocorre entre “ser japonês” e “transformar-se em nikkei”. O conceito de “formação cultural”é significativo nesta presquisa, pois se refere ao processo no qual grupos étnicos – nikkeis, nesse caso – legitimam e consolidam suas comunidades e estilo de vida, dentro dos contextos nacionais nos quais residem A formação cultural envolve o desenvolvimento de culturas étnicas únicas dentro do contexto de sociedades pluralistas, fundamentando-se na premissa de que os nikkei são criadores ativos e conscientes das suas próprias identidades e comunidades.

Língua falada materna: espanhol
Mediador: Lane Hirabayashi
Moderador: Doris Moromisato Miasato (24 de junho)
Emi Kasamatsu (25 de junho)
Gravador: Allyson Nakamoto( voluntário) 24 de junho
Maria Teruya (voluntário) 25 de junho

Participantes:Raul Araki, Marcelo Higa, Lane R. Hirabayashi, Emi Kasamatsu, Maria Elena Ota Mishima, Doris Moromisato Miasato, Kimie Nagata

Relatório do Lane Hirabayashi, Mediador

A primeira parte do ensaio de Raul Araki's trata detalhamente da história de tradição oral da primeira geração de peruanos de descendência japonesa. Inúmeras vezes, participantes enfatizaram o quanto eles apreciaram a qualidade dos detalhes e a destreza de Raul em captar nuanças valiosas. A segunda parte oferece uma série de "imagens populares do nikkei no Peru" agregada por Raul e outros colegas de descendências diferentes da japonesa. Sempre evitando casualidade em seus espécimes colhidos, a equipe tratou de entrar em contacto, não somente com nikkeis, mas com outros membros dos diferentes setores da sociedade peruana. Assim, um conceito chave para o foco Raul foi buscar o que explicaria por um lado a vasta discrepância entre imagem/ideologia e, por outro, a fenomenologia das realidades vividas pelo indivíduo.



Em sua pesquisa, Doris Morimisato enfatiza a maneira pela qual são tecidas a masculinidade e a feminilidade dos nikkeis peruanos. Em uma análise articulada em diversos níveis, inclusive o político e o simbólico, Doris estuda o papel dos sexos em ambas arenas pública e privada da vida peruana-nikkei. Neste cruzamento, Doris conclui que a mulher Nikkei sente que os diversos órgãos da comunidade nikkei servem como obstáculos para a realização de suas aspirações pessoais e profissionais. Isto nos conduz à pergunta chave de sua pesquisa: se é a rejeição da cultura Nikkei uma questão de integração para o ingresso em um âmbito maior da sociedade peruana, ou se é uma questão de rejeição da comunidade nikkei.

Marcelo Higa apresentou, em seu estudo, uma reflexão da história do fenômeno "degasegui" na Argentina. Além disso, ele realça uma visão que ele vem defendendo durante vários debates do INRP: sendo o conceito "nikkei" de conveniente proveito para estudos comparados, é imprescindível que o conceito seja usado com cautela, já que o uso indiscriminado do termo pode acabar abafando as variações internas do coletivo, como também as indiscutíveis distinções presentes entre os países-berços do povo nikkei.



Subsequentemente, durante a apresentação de seu questinário-pesquisa, Maria Elaina Ota explicou (1) a metodologia de distribuição de seu trabalho, e (2) o quão difícil tem sido, em vários aspectos, completá-lo. O questionário será distribuído pelos nikkeis de todo o México, abarcando básicos elementos biográficos, inclusive dados sobre a educação, sobre direções profissionais e sobres os padrões da migração interna. No total, Maria Elaina destaca a maneira pela qual se portam os nikkeis, seja como pessoas de descendência japonesa, seja como mexicanos.

Já o ensaio de Emi Kasamatsu, no geral, é aplicadamente prático em sua dealinação das extraordinárias crise e corrupção política paraguaias. Lindando com essas questões, ela busca novas avenidas de preparação e treinamento para o jovem nikkei, em prol da formação de uma nova geração de líderes políticos nacionais comprometidos com um novo de padrão de conduta de governadores e governados. Emi também busca uma maneira de aplicar no Paraguai as virtudes tradicionais da cultura japonesa visando assim facilitar uma possível alvorada de um período de "desenvolvimento socio-econômico eficaz".

Também presente, estava Lane Hirabayashi. Salientando o poder eleitoral, ele concluiu que há basicamente três maneiras pela qual os descendentes de japoneses chegam a cargos políticos nas Américas. Assim, temos os eleitos graças a uma considerável base demográfica de 20% da população ou mais. Outros emergem por causa de uma presença nikkei numerosa, mesmo que a porcetagem daquela seja relativament baixa. Neste caso, o poder político é adquirido através da formação de alianças multiculturais. E finalmente, há aqueles que chegam ao poder com pouca ou até sem a ajuda de seus compatriotas nikkei. Esses são essencialmente deslocados e independentes da comunidade nikkei.